Somos por nascimento uma Igreja genuinamente Pentecostal. Não podemos enfraquecer tirando a liberdade do Espirito Santo com argumentos contraditórios à ação, unção, dons e poder do Espirito Santo em nós Ministros e no povo Avivalista que somos.

Aprendemos que o Senhor Jesus tem unção e poder (Atos 10:38) podemos ser uma igreja cheia de unção e pouco poder, ou cheia de poder e pouca unção, mas o ideal é ser cheia de unção e de poder.

 

 

  • A unção funciona nos dons pessoais, profecia, ministério, ensino, aconselhamento, distribuição (repartir), presidir (dirigir), misericórdia (socorro). Rm 12:6-8.
  • O poder funciona nos dons de manifestação: Palavra da sabedoria, palavra da ciência (revelação), fé, dons de curar, operação de maravilhas, profecia, discernir os espíritos, variedades de línguas, interpretação das línguas.

 

  • Unção é ter o Espirito Santo.
  • Poder é a manifestação do Espirito Santo.

 

    (A Igreja tem que ter unção e poder).

 

Nossa Igreja Evangélica Avivamento Bíblico tem que ter unção e poder, para salvar vidas com Sinais, Maravilhas e Discipulado.

Para manter este equilíbrio temos que:

  • Viver orando no Espirito. Judas 20.
  • Intercessão contínua. Col.1:9.
  • Orar em línguas. I Cor.14:14 – 15.
  • Orar Congregados. Atos 12:12 – nos templos.
  • Orar dia e noite pela Igreja. I Tess.3:9, 10.

 

O ápice da unção e poder é ter a mão de Deus operando em nome de Jesus. Atos 10:30.

A Igreja tem que ser movimentada pelo preenchimento do Espirito Santo, para anunciarmos a palavra com ousadia.

 

Somos Pentecostais genuínos, temos que ter o Espirito da Palavra e a prática da Palavra.

 

Este é um lembrete de renovação Espiritual para toda nossa Grei Avivalista que tem a  Missão de levar Avivamento a todos os povos.


 

Pr. José Carlos dos Santos
Presidente